26/05/2015

Já caíram do céu...



Já caíram do céu todas as estrelas
sobre a areia azul que nunca
assim ferveu
e neste desamparo
feito de renúncias e vozes
apodrecidas
dás-me outra vez a mão.
Assim unidos procuramos
as marcas dos nossos passos antigos
que nos vão encaminhando
para o secreto refúgio
de um amor
fora do tempo e do espaço.


Urbano Tavares Rodrigues

1 comentário: